quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Bate-e-volta



Síndrome do regresso, falta de oportunidades, violência e sei-lá-mais-o-quê esta empurrando a dekassegada de férias forçadas no bananão para a ilhota novamente... Ferrada a nossa situação. Se o Japão não esta para dekassegui, o bananão menos ainda. E a gente fica nesse bate-e-volta eterno. Até o Sidival, lembram-se dele? Alcoólatra, treteiro, não parava em serviço nenhum, acabou homeless e passou a ganhar a vida catando trastes na rua. A mídia fez um tremendo estardalhaço em cima da imagem dele. Sua triste figura deu as caras tanto na telinha brasileira quanto na japonesa. Ficou um tempão mamando nas tetas generosas do Seikatsu Hogo. E quando acabou o prazo da mordomia governamental e sem conseguir arrumar emprego, teve que retornar ao bananão do mesmo jeito que pisou aqui: sem nenhum mango no bolso. Agora, todo largadão, mas pelo jeito trampando, ainda assim quer voltar para cá. Esperto ele. Deve ter percebido que o "esmola-família" do lula nem se compara com as gordas benesses sociais do Japão, que ainda oferece trezentão para quem não teve a sabedoria básica de se precaver ao pior da crise. Sorte que este país é rico, pode sustentar quantos Sidivais que o bananão conseguir expelir para cá...

4 comentários:

M-FUSION disse...

Perfeito...

kurati disse...

dekassegui é mesmo mulher de malandro..............

Leh disse...

Sidival e mesmo uma celebridade, onde vai faz show. Ele devia ir no programa do Gugu, tal como o Pedro do chipe, afinal rola um cachezinho... mas nada igual o Seikatsu Hogo. Latinhas, por enqto, concorrencia pequena por aqui. De qq forma, louvo esses caras que ainda pensam na familia, porque tem muito brasa por aqui, que achou o lugar ideal pra se esconder dos compromissos, pensoes...  

Bah disse...

Eu tenho vontade de voltar pro Japão, mas pra rever, apesar da saudade ainda não estar enorme a esse ponto rs. Mas voltar para trabalhar nas mesmas condições, não vale a pena pra mim. Se voltasse seria para trampar em escritório ou na minha área... como deixei de lado isso, então vou ficar no bananão mesmo rs.

Kisu!