terça-feira, 24 de novembro de 2009

Governo corta verbas do auxílio de retorno

Desde abril, até o mês de novembro, cerca de 16 mil nikkeis deram entrada no 帰国支援金(きこくしえんきん) kikoku-shien-kin para retorno aos seus respectivos países. Até o ano passado, cerca de 370 mil nikkeis da América Latina viviam no Japão, segundo as pesquisas do governo, 40 a 50 mil descendentes retornaram ao país sem o auxílio de retorno, devido a falta de emprego. O Primeiro Ministro Yukio Hatoyama cortou a verba do auxílo de retorno ao país de origem, que oferecia ao trabalhador 300 mil yenes e para cada dependente, 200 mil yenes.
Na província de Aichi, 4,485 pessoas solicitaram a ajuda. Shizuoka 3,486. Mie 1,241. No total são 14, 896 brasileiros e 600 peruanos.
Instituições que apoiam trabalhadores nikkeis pedem continuação do projeto de auxílio de retorno que dependerá da posição do novo governo.

FONTE: Comunidade "Brasileiros no Japão" do Orkut. A autora do post ainda aponta este link com o artigo na integra.

7 comentários:

Bah disse...

Eu não peguei, mas deveria ter pego rs...

Kisu!

Dri Viaro disse...

Olá, passei pra conhecer seu blog, e desejar bom fds.
bjsss

aguardo sua visita :)

Xaum disse...

Opa ! Seria isso um sinal de recuperação ???

Como não acompanho as notícias ae, não consigo imaginar o que seria.

Lou disse...

Vixi...

Ainda bem que você não quer voltar, né?!

Beijo

andreia inoue disse...

eu nao pegaria o auxilio,nao por orgulho e sim pq a gente nunca sabe do dia de amanha,va que tenha q voltar,e nao vai poder ne?
e muito obrigada pelo convite do orkut novo,nao vi muita mudanca nao viu amigo,para mim esta praticamente igual,mais valeu mesmo a consideracao,abracaooooo.

Leh disse...

u.u Que bacana! A Dri Viaro é minha amiga na rede diHITT. Que bom ela ter vindo parar aqui!

Bom, no mais... o comentário tá lá no meu, te linkando...

Kisses, lindinho!

Leh disse...

u.u Que bacana! A Dri Viaro é minha amiga na rede diHITT. Que bom ela ter vindo parar aqui!

Bom, no mais... o comentário tá lá no meu, te linkando...

Kisses, lindinho!