sábado, 13 de fevereiro de 2010

Uhu!!! É carnaval!!!

Arrependimento é um filho-da-puta que não respeita nada, senta insolente em cima da mesa redonda e bamba aonde repousa o meu iMac e fica olhando sarcasticamente bem no fundo dos meus olhos. Dizendo sem nenhuma palavra falada: "Seu mané! Eu te avisei… Eu te avisei..."

Hahahaha!!! Brincadeira. Tô "adorando" la vida nueva em San Pablo. E a palavra arrependimento esta numa página que rasguei do meu dicionário e cabei usando como papel higiênico. Fueda-se, se estou na chuva é para se molhar. O fato de não estar me afogando na enchente barrenta já tá valendo.

Mas convenhamos: é um diabo esta coisa de dekassegui decano cair de paraquedas neste país latino. Agora até que esta melhor. Embora continue não entendendo muita cousa que se passa ao redor. Parece que tudo o que surge na ilha da minha existência são garrafas sem mapa. Ou bússolas sem agulha. Juro que estou tentando me adaptar da melhor forma possível. Ser mais um bananeiro. Fazer parte disto tudo aqui. Rir como um macaquito embriagado pelas frutinhas podres colhidas no chão. E até saltar de felicidade ensandecida sem saber porque, nestas festas funestas que los bananeiros chamam de carnaval, o festival das bundas. Dou um suspiro chistoso e aborrecido. De qualquer maneira esta alma gaiata não leva muita cousa a sério. Provavelmente é só uma questão de hábito este negocio de socializar-se. O bão talvez seja seguir o rumo da manada. É isso. Vou abrir o coração e fazer parte de alguma tribo. Uga, buga, uga! Chega de tentar dormir e só ouvir barulhos na madrugada. Vamos festar adoidado!!!

Um comentário:

Tiklos disse...

Vai aproveitando, aproveitando. Quem sabe não pinga em sua cama uma dessa bundudas rechonchudas. Por aqui não tem festa, bundas nem calor. O frio come solto e por todo lado que olho só vejo casacos e bundas secas. Sorte sua!!